Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Uncategorized’ Category

Acho que um vídeo vale mais que mil palavras. E como o blog ainda está em meio recesso (dia 12 de outubro, guarde essa data), fico por aqui.

Mas assistam. O nome do bagulho é Kodai Shoujo Tai Dogun V!

Read Full Post »

Essa é pra quem é fã de verdade. Dá uma olhada nessa foto e descobre da onde é…

Olha aí a mesa do mestre

A foto foi postada num fórum japonês de imagens e dispensa maiores comentários. Só espero que seja real. TEM QUE SER.

Read Full Post »

Já que o próximo jogo da série vai sair no fim do mês, o pessoal de Hollywood resolveu investir pesado e vão lançar um novo longa metragem. Algumas das cenas já podem ser conferidas nesse clipe promocional lançado como viral no You Tube.

Bem que o longa metragem de KOF poderia ser assim também, né? Apenas uma piada de mal gosto…

Read Full Post »

Dia das Crianças

Lembro que o dia de hoje era uma data tão esperada quanto o Natal. Tá, a comida não era tão boa, mas na época o que mais importava era que não precisávamos esperar até a meia-noite ou a manhã do dia seguinte pra abrirmos nossos presentes. O esquema era fingir que comia seus legumes – ou qualquer outra coisa que colocassem em nossos pratos – e correr pro abraço. Ou melhor, pra abraçar nossos presentes.

Tamanho era documento, sim senhor. Quanto maior a caixa, maiores as nossas chances de ganharmos um dos brinquedos do momento. E eles eram, na ordem: Autorama, Ferrorama, bicicleta e alguma boneca (nem vou saber especificar qual). “E o videogame?”, você pode perguntar, caso conheça meu background. Não, o videogame não fazia parte tão profunda na minha vida até então. Meu pai tinha, mas não deixava eu jogar muito. E eu nem ligava. Um Autorama era algo divertido demais, só estando lá pra saber.

É lógico que um ou dois anos depois começamos a prestar uma atenção maior nesses eletrônicos que a igreja adora jogar na fogueira. É que nem quando passamos a reparar nas meninas. Depois que isso acontece não tem mais volta. E quando juntava videogame, meninas e escuro? Tá, é mentira isso, nunca aconteceu. Mas pensem…

Meu pai deveria se sentir um cara de sorte. Ele nem gastava tanto com brinquedo. Eu gostava dos G.I. Joe, que não eram caros, He-Man e Thundercats – mais um ou outro -, que nem eram caros, se comparados com um console da nova geração, um PC top de linha pra não ter lag no Orkut e MSN ou algum veículo motorizado eletricamente.

E quando eu era um pivete – mais – ingênuo, jurava que aos meus 30 anos seria um tipo de cientista, arqueólogo ou até mesmo um policial (pra usar estrela no colete e chapéu de couro). O chapéu também aparecia em todas as fantasias, provavelmente culpa do Sr. Indiana Jones e seus filmes. Cara, eu sabia cavar na terra, vivia procurando tesouros no jardim, era a profissão perfeita porque eu já a exercia! O tempo passou e depois de tanto bater a cabeça em caminhos obtusos, descobri que eu gostava de escrever. Demorou, mas cá estou eu.

Espero que todas as crianças que eu conheço (porque eu nem gosto das que eu não conheço, a não ser que sejam bem pequeninas, não aqueles pré-adolescentes chatos) ganhem o que pediram. Ou ganhem algo melhor, que estimule seu caráter e as faça crescer uma pessoa melhor. Vai ser um presente pé no saco, hahaha, mas lááá pra frente você vai agradecer alguém.

E nossa, foi só ver a fotinha do Tomcat dos Comandos em Ação que eu lembrei que ainda quero essa merda desesperadamente!

Feliz Dia das Crianças pra todo mundo. Principalmente para os que ainda não o deixaram de ser.

Read Full Post »

O Sr. Bushido do Lavagem Cerebral me mandou umas imagens superinteressantes hoje de manhã. E como estou sem atualizar decentemente isso aqui, vou postá-las, a seguir.

(mais…)

Read Full Post »

Então, as coisas andam meio paradas por aqui devido à correria para entrega do projeto de TCC que acontece hoje e na próxima quarta.

Por isso, as atualizações interessantes ficam para o final de semana, sem falta. Se bobear, amanhã à noite, mas não posso prometer ainda.
Enfim, não deixem de visitar.

Ps.: Caso interesse, o TCC é um perfil em forma de documentário da banda As Velhas Virgens.

Read Full Post »

Be proud!

Caramba, hoje é o dia do orgulho nerd. Eu nem sabia que isso existia.

Um pouco de pesquisa e descobri que a primeira comemoração do Dia do Orgulho Nerd aconteceu em 2006. O dia 25 faz referência à estreia do primeiro filme de Star Wars no cinema, em 1977. E o mais interessante de tudo isso, é que não foram os americanos que inventaram a data, mas sim os espanhóis.

Tem os que clamam por um dia do orgulho nerd e comemoram o dia, mas certas coisas não mudam nunca. O tom pejorativo da palavra que pesa nos comentários de algumas pessoas ainda deixa um gosto amargo na nossa boca. E também tem a visão curiosa desse tipo de comemoração, que me irrita. Essa de “tô pouco me lixando para o que as pessoas pensam” é uma expressão covarde. É preciso defender sim nosso ponto de vista, precisamos nos importar.

Os nerds pedem por um dia deles pra depois dizer ‘eu não ligo para o que os outros pensam’, como assim?! Controvérsia é uma merda…

Como um bom nerd que sou, desejo à todos um excelente dia.

Vou colocar os direitos e deveres dos nerds aqui, segundo o Wikipedia:

Rights:

  1. The right to be even nerdier.
  2. The right to not leave your house.
  3. The right to not have a significant other and to be a virgin.
  4. The right to not like football or any other sport.
  5. The right to associate with other nerds.
  6. The right to have few friends (or none at all).
  7. The right to have all the nerdy friends that you want.
  8. The right to not be “in-style.”
  9. The right to be overweight and have poor eyesight.
  10. The right to show off your nerdiness.
  11. The right to make an attempt at being as nerdy as Morgana Summers, and the right to fail. (Topher Stumph came quite close, but he too, failed).
  12. The right to develop serious crushes on Randall Munroe, Shane Carruth & Bo Burnam, as opposed to say… James Franco. (See 11).
  13. The right to carry a Thesaurus with you at all times, as opposed to an iPhone. (See 11)
  14. The right to execute shameless self advertisement via the Wikipedia Geek Pride Day page. (See 11).
  15. The right to falsely assume the surnames Finkleton, Waldman, Stratzer and Krukemeyer.
  16. The right to take over the world.

Responsibilities:

  1. Be a nerd, no matter what.
  2. Try and be nerdier than anyone else.
  3. If there is a discussion about something nerdy, you must give your opinion.
  4. Save any and all nerdy things you have.
  5. Do everything you can to show off your nerdy stuff as though it were a “museum of nerdiness.”
  6. Don’t be a generalized nerd. You must specialize in something.
  7. Attend every nerdy movie on opening night and buy every nerdy book before anyone else.
  8. Wait in line on every opening night. If you can go in costume or at least with a related t-shirt, all the better.
  9. Don’t waste your time on anything not related to nerddom.
  10. Befriend any person or persons bearing any physical similarities to comic book or sci-fi figures.
  11. Try to take over the world!

Ps: As nerdices podiam estar em promoção hoje, não é? Queria tanto comprar uns filmes e mangás novos…

Read Full Post »

Older Posts »